Após sofrer uma grave lesão no tornozelo, o piloto radical brasileiro de motosurf freeride, Bruno Jacob voltou a colecionar idas ao pódio: desta vez, o baiano conquistou o 4° lugar na final do Mundial de Motosurf Freeride 2018, no Japão.

Foto: Chris Rauen

Recentemente, Bruno Jacob garantiu a 2ª colocação em um evento no lago mais profundo do mundo, na Sibéria, e tinha como pretensão subir novamente ao pódio com a bandeira brasileira nesta última competição. Como desejado, o atleta realizou mais um feito para honrar seu país no esporte internacional.

“O último dia foi muito desafiador pois estava sem ondas. As pequenas que tinham estavam quebrando somente no inside e mais uma vez me superei para conseguir chegar até aqui. Após a lesão estou muito agradecido pelo trabalho em equipe que fizemos. Sinto muitas dores ainda, mas representar meu estado e meu país é sempre um orgulho maior, estou realmente muito feliz”, afirma Bruno Jacob.

Este foi um ano muito intenso e recheado de competições para o atleta. No começo da competição do Mundial, em maio, Bruno esteve na França e em Nazaré, Portugal. Depois foi para o México, em julho. Em setembro, o único brasileiro da disputa enfrentou as ondas da praia Pacific City, Oregon, nos Estados Unidos, e finalizou sua participação no torneio, em Chiba, no Japão, encerrando o Tour 2018 em 5º lugar.

Por Michele Barcena

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.