Piratininga: “Recife artificial é a solução”

O maior desabamento do calçadão da praia de Piratininga, em Niterói, ocorrido no final de abril de 2016, reacendeu a questão sobre o que poderia ser feito para solucionar esse problema. A ideia de implantar um Recife Artificial Multifuncional tem crescido, principalmente entre os moradores do bairro. O recife dissiparia a energia das ondas antes de chegarem na praia, criando uma área de remanso e aumento da faixa de areia na sua direção. Além disso, também haveria um incremento na pesca, aumentaria o turismo, aquecendo a economia local, e os imóveis seriam mais valorizados. Um erro na concepção original do projeto do calçadão faz com que desmoronamentos se repitam por diversos anos. A organização Premmar vem trabalhando há anos junto a órgãos públicos e instituições científicas no desenvolvimento de um projeto específico para a implantação de um recife artificial em Piratininga.





Por João José Macedo

Compartilhe.